Pop Javali na capa da nova edição da revista Killer Pumpkin

Depois de dois álbuns lançados, shows ao lado do Deep Purple, Uriah Heep e Ugly Kid Joe, o Pop Javali caminha cada vez mais em direção ao sucesso.

Cedo ou não pra dizer, o fato é que a banda vive seu melhor momento até aqui. Definitivamente! O power trio de hard/heavy acabou de retornar da Europa onde realizou nove shows pela Inglaterra, Alemanha, Suíça, Itália e Holanda. Entre as apresentações, destacam-se a do Cart & Horses em Londres – mesmo pub onde o Iron Maiden iniciou sua carreira -, o show que fizeram em Amsterdã, na Holanda, no The Waterhole, e os dois festivais, Sneker Metal Meeting, na Holanda, e Razorblade, na Alemanha.

A recepção ao Pop Javali foi tão boa que o grupo logo tornou-se pauta na imprensa do velho mundo. O The Pit, um dos sites especializados mais respeitados da Alemanha, publicou em sua cobertura do Festival Razorblade que o Pop Javali foi, “sem dúvida, a grande surpresa do festival”. Aqui no Brasil a repercussão não tem sido diferente. A Roadie Crew, principal e mais respeitada revista impressa de rock, publicou uma entrevista de duas páginas com o grupo.

Se já não bastasse, a revista Killer Pumpkin, em sua edição de maio de 2016, traz o Pop Javali como matéria de capa! São quatro páginas que adiantam todos os detalhes a respeito do primeiro CD ao vivo do trio, “Live In Amsterdam”, gravado durante uma das apresentações de destaque da turnê europeia, no Waterhole, na capital holandesa.

“Live In Amsterdam” será mixado e masterizado por ninguém menos que Andria Busic, do Dr Sin, com quem a banda já havia trabalhado em seu disco anterior de estúdio, “The Game Of Fate”.

Num trecho extraído da matéria na Killer Pumpkin, o baixista e vocalista Marcelo Frizzo diz que “Live In Amsterdam” reafirma o sucesso da primeira turnê internacional do Pop Javali e faz um resumo de toda trajetória do power trio até aqui.

“Lançar esse disco ao vivo é, sem dúvidas, um dos mais importantes passos na carreira do Pop Javali. Registramos o áudio de vários outros shows durante a turnê, mas Amsterdã teve um sabor especial. Esse show foi sensacional! Primeiro porque foi um show numa segunda-feira! Onde mais você poderia se apresentar numa segunda-feira e ainda gravar um disco ao vivo com uma plateia formada por gente do mundo todo? Isso só é possível em Amsterdã! Até me lembro que durante nosso set apareceu um montão de músicos da Indonésia na plateia que ficaram agitando sem parar.

Ao fim do show rolou a maior ‘brodagem’ com os caras. Foi uma noite muito feliz e emocionante, já que foi o último show da turnê. Através desse disco ao vivo queremos agora compartilhar com nossos fãs toda essa alegria e a emoção surreal que é ter sua música bem recebida no outro lado do oceano.”

Para fazer o download gratuito da revista Killer Pumpkin e ler na íntegra a matéria – que ainda traz fotos exclusivas – basta acessar o site da Horigami:

http://horigami.com.br/2016/05/04/killerpumpkin-edicao-no-08-maio-de-2016/

“Live In Amsterdam” será lançado antes do fim do primeiro semestre de 2016 com distribuição da Voice Music. Tracklist e capa serão anunciados nos próximos dias.

VOCÊ VAI GOSTAR TAMBÉM...