Hammerfall agita BH em mais uma tour recheada de clássicos!

By: Reynaldo Trombini

Em mais uma oportunidade a capital mineira recebeu os suecos do Hamerfall, grupo tradicional e experiente da prateleira de cima do Metal Mundial. E foi carregando mais de duas décadas de história, inúmeros clássicos e atuação performática que a trupe comandada pelos carismáticos Oscar Drojank (guitarra) e Joacim Cans (vocal) veio divulgar seu mais recente álbum, “Built to Last” (2016), seu décimo registro em estúdio.

O som característico da banda desde a sua fundação, o Power Metal, permanece intacto e com poucas variáveis se compararmos os hit’s do disco de estreia com as faixas mais atuais lembradas na apresentação, tais como ‘Bring It, ‘Dethrone and Defy’ e ‘Built to Last’, por exemplo.

Era certo que canções das antigas “dariam às caras” para animar o público, que mesmo em número mediano demonstrou energia e muito carinho pelos caras cantando os principais refrões e saudando cada músico do seu line-up.

 

Banda mostrou ótima fase com faixas de várias épocas de sua carreira!

 

Petardos como ‘Riders Of The Storm’, ‘Renegade’ e ‘Crimson Thunder’ foram apenas alguns dos clássicos e vieram para comprovar o quanto afiada a banda está em cima do palco. Joacim Cans trouxe o mesmo carisma e qualidade vocal já habitual, assim como os riff’s de Oscar Drojank. Está aí uma das duplas mais bem sucedidas do Power Metal em geral. É difícil imaginar o Hamerfall sem estes caras!

Para completar a sintonia e gerar bons resultados Portus Norgren (guitarra), Fredrik Larsson (baixo) e David Wallin (bateria) completam o time com maestria e geram uma sonoridade pesada, veloz e que soa cativante ao vivo, sem direito à firulas e exibicionismos exacerbados.

Sorte dos fãs que ainda mostravam empolgação na reta final do show, que veio com ‘Hammer High’, ‘Bushido’ e a grudenta ‘Hearts On fire’, a cereja do bolo dessa festa regada a música pesada, que teve bandeira do Brasil jogada ao palco e um frontman que se deu ao luxo de descer até a grade para abraçar seus fãs, além de prometer que não demoraria a voltar com o Hammerfall em terras mineiras. Belo Horizonte aguardará ansiosamente!

SET LIST
Hector´s Hymn
Riders Of The storm
Bring it
Blood Bound
Any Means Necessary
Renegade
Dethrone And defy
Crimson Thunder
Last Man standing
Let The Hammer fall
Built To last
Medley To The Brave
Glory To The Brave
Origins
Pusish And Enslave
ENCORE:
Hammer High
Bushido
Hearts On fire

Texto: Felipe Fernandes – Contribuição Reynaldo Trombini
Foto destaque: Alexandre Guzanshe
Foto da matéria: Italo Sales

Tag:

COGUMELO RECORDS – 30 ANOS

O METAL RESGATANDO A NOSSA HISTÓRIA

EVOLUÇÃO NO HEAVY METAL

Back to Top