Vitor Rodrigues: renomado vocalista brasileiro está procurando baterista para novo projeto!

Post feito por Reynaldo Trombini

Após poucos meses de comunicar sua saída oficial do Voodoopriest, o renomado vocalista brasileiro, Vitor Rodrigues (ex- Torture Squad), dá início a retomada de sua importante carreira, informando que está em aberto o processo de audição para bateristas interessados em se juntar ao seu projeto “Vitor Rodrigues Attack”.

Vitor Rodrigues que ficou conhecido mundialmente após sua passagem de forma brilhante pelo Torture Squad, tendo inclusive fechado com a gravadora do Wacken que levou a banda duas vezes para se apresentar no festival mais respeitado de Metal do mundo e lançou os discos Hellbound e AEquilibrium em formato físico em toda Europa.

No ano de 2010 resolve sair do Torture e algum tempo depois monta o projeto Voodoopriest, porém em 2018, o vocalista, informou sua saída de forma amigável do grupo desejando sucesso e prosperidade aos ex-companheiros de banda.

Após esse pequeno hiato, Vitor dá início a sua nova jornada, o músico está ativamente trabalhando em novas músicas e muito em breve algumas novidades sobre um novo projeto será revelado pelo artista brasileiro.

Mesmo com esse eminente suspense que cerca o futuro do músico, uma coisa já está certa, Vitor Rodrigues está à procura de bateristas para primeiramente ingressarem em seu trabalho “Vitor Rodrigues Attack” que vem fazendo vários shows pelo país, executando clássicos do Metal com toda a técnica, fúria e identidade única dos vocais de Vitor.

Interessados em mandar se material para audições iniciais, precisam se atentar apenas a três requisitos básicos que o músico exige. O primeiro é que o baterista seja residente da cidade de São Paulo, possua instrumento próprio e esteja afim de tocar música pesada.

Se você se encaixa nessas exigências, entrar em contato com o músico enviando um vídeo seu tocando seu instrumento para o e-mail: vitorrodriguesmetal@gmail.com

COGUMELO RECORDS – 30 ANOS

O METAL RESGATANDO A NOSSA HISTÓRIA

EVOLUÇÃO NO HEAVY METAL

Back to Top