A Sorrowful Dream: confira vídeo ao vivo em homenagem a Peter Steele, do Type O Negative

Post feito por Clinger Carlos

A banda gaúcha de Dark Metal A Sorrowful Dream está divulgando um vídeo ao vivo de “Love You to Death” em homenagem ao baixista/vocalista Peter Steele, do Type O Negative, falecido há dez anos devido a um aneurisma aórtico. O gigante nova-iorquino construiu uma carreira de sucesso a partir de seu trabalho caótico com a banda Carnivore, na década de 1980. Entretanto, foi com o som pesadíssimo e sorumbático criado com o Type O Negative que sua carreira teve um salto enorme, marcando principalmente a década de 1990 com clássicos como “Bloody Kisses” (1993) e “October Rust” (1996). Para o vocalista Éder Macedo, a descoberta da banda foi fundamental para sua formação musical: “Minha vida mudou quando ouvi o “Bloody Kisses”. Comprei o vinil, que, com orgulho, tenho até hoje. Aquela música se mostrou como algo possível: a cadência, o timbre e a afiação das guitarras e o vocal… sem dúvida o vocal do Peter. É o tipo de banda que te faz querer ter uma banda e foi assim para nós. Reformulamos o que entendíamos como música: como assim? tem Punk, tem Doom, tem gótico, tem até sarcasmo…”.

Assista ao cover:

https://www.youtube.com/watch?v=t_vxaPuz-k4

O vídeo foi gravado no Teatro do CIEE (Porto Alegre), em outubro de 2015, no show de lançamento do álbum “Passion”. Foi a primeira vez que a A Sorrowful Dream executou o cover de “Love You to Death” ao vivo, tendo anteriormente já tocado “Christian Woman” e “Summer Breeze”. Entretanto, o vocalista relembra um fato curioso: “”Summer Breeze” foi o primeiro cover da banda. Tocamos em 96 quando ainda nem tínhamos baterista. Estávamos “engatinhando”, aprendendo. O Type O Negative foi influência para 10 em cada 10 bandas voltadas ao nosso estilo, então imagina um bando de moleques gaúchos em uma garagem vibrando a cada acorde tocado…”. “Summer Breeze”, aliás, é um cover que o próprio Type O Negative gravou, já que a música original é da dupla norte-americana Seals & Crofts, formada por Jim Seals (guitarra, saxofone e violino) e Dash Crofts (bateria, mandolim e teclado).

Com o falecimento de Peter em abril de 2010, o mundo perdia um músico único, que além de talentoso, vivia em seus próprios termos. Éder Macedo lamenta: “Sem dúvida Peter Steele faz muita falta na música. E certamente ele ainda estaria, como muitos ainda estão, fazendo música boa e original, e que não se rende a modismos ou tendências. Fazer arte porque tem que fazer arte, porque tem que superar o senso comum e fazer com que adolescentes, como éramos, tenham seu mundo transformado. Pois é isso que queremos!”.

Éder Macedo (vocal), Josie Demeneghi (vocal), Geovane “Tuko” Lacerda (baixo), Mari Vieira (teclados), Aurélio Martins (guitarra), Lucas Vargas (guitarra/violinos) e Marcelo Dornel (bateria) tem aproveitado a quarentena/isolamento devido à pandemia para compor seu terceiro álbum. Formada em 1996, a A Sorrowful Dream soube mesclar suas diversas influências e moldar uma sonoridade única, incluindo elementos de Death Metal, Doom Metal, Heavy Metal e música erudita de forma impar, presente em suas diversas demos, singles, e nos álbuns “Toward Nothingness” (2009) e “Passion” (2015), ambos disponíveis em todas as plataformas digitais.

Assista ao vídeo clipe de “Passion”:

https://youtu.be/Lm_J8KjGcJM

Contatos:
Site oficial: www.asorrowfuldream.com
Facebook: www.facebook.com/asorrowfuldream
Twitter: www.twitter.com/asorrowfuldream
Instagram:  www.instagram.com/asorrowfuldream

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Manaus: A FORÇA QUE VEM DO NORTE

COGUMELO RECORDS – 30 ANOS

Por que o METALLICA é tão grande ?

O METAL RESGATANDO A NOSSA HISTÓRIA

EVOLUÇÃO NO HEAVY METAL

O MAL QUE NOS FAZ !

Back to Top