Draconis – The Awakenning of the Deads

By: Thalles Magno

Draconis é uma banda da argentina formada em 2003 e faz um Death Metal com forte influência Old School e segue uma veia melódica. A banda já dividiu palco com outras de grande importância mundial como: Amon Amarth, At The Gates e Krisiun, além de ter lançado 2 Eps: “Worm 04” de 2003 e “Echoes of a Never Ending Labyrinth” de 2007 e 2 álbuns de estúdio: “The Beginning of the End” de 2011 e “The Awakenning of the Deads” de 2014.

A banda poderia ser caracterizada como um Melodic Death Metal, mas devido a influência do Thrash Metal e do Black Metal, tal categorização pode ser deixada de lado, aliás, aqui você escuta um Metal extremo de qualidade e formado por músicos de excelência como Gerardo Vargas (guitarras e voz) , Bruno Vargas (guitarras), Marcos Villaroel (baixo) e Cesar Roman (bateria).

Em “The Awakenning of the Deads”, podemos escutar músicas bem executadas, riffs inteligentes e uma melodia que remete-nos a sonoridade de bandas clássicas dos anos 80, podendo lembrar um Old Amorphis e Carcass, mas com alguns elementos sombrios trazidos do Black Metal. Durante as faixas, algumas têm elementos de Melodic Death mais fortes, outras têm uma base de Thrash/Black mais nítida, gerando assim, um álbum bem consistente, sem procurar inovar, mas sim, mesclar o que temos de melhor no Metal Extremo com pegadas melódicas marcantes.

Podemos destacar “Labyrinth”, “My Downfall”, “Echoes of Silence” “Parasites” e “The Awakenning of the Deads” como algumas das melhores do álbum, além de um curioso cover do “Wasting Love” do Iron Maiden que ficou bem inusitado, pois, eles pegaram uma música bem melódica e a deram uma nova roupagem.

Fica a dica de mais uma grande banda argentina!

Tag:

COGUMELO RECORDS – 30 ANOS

O METAL RESGATANDO A NOSSA HISTÓRIA

EVOLUÇÃO NO HEAVY METAL

Back to Top