Cálix: requinte musical no Roça ‘n’ Roll 2015

By: Reynaldo Trombini

A programação do Roça ‘n’ Roll deste ano ganhou um requinte especial com a inclusão do Rock Progressivo da banda mineira Cálix. O grupo belo-horizontino está confirmado para a noite principal do festival, no dia 6 de junho. “Temos muitos fãs no sul de Minas e temos certeza de que será um encontro memorável pra todos nós: banda e público”, ressaltou o músico Renato Savassi.

O Cálix já se apresentou no Sul de Minas, mas em Varginha será a primeira vez. “Há anos que não tocamos na região, então acho que será muito legal, porque recebemos e-mails e muita gente da região compra nossos CDs e DVD pelo site. Provavelmente, será a primeira vez que muitos fãs vão ver a banda ao vivo”.

O grupo foi formado em 1996 e lançou obras importantes como Canções de Beurin (2000), A Roda (2002), Ventos de Outono (2007 – ao vivo) e Cálix ao Vivo (2007 – DVD). Atualmente, o Cálix é formado por Renato Savassi (vocal, flauta, violão e bandolim), Sânzio Brandão (guitarra), Marcelo Cioglia (baixo e vocal), Rufino Silvério (teclado e vocal) e André Godoy (bateria).

Após o lançamento do DVD ao vivo, o grupo diminuiu o ritmo devido ao envolvimento dos músicos em outros projetos. Segundo Renato Savassi esse período dedicado a outras atividades contribuiu para o amadurecimento pessoal e musical dos componentes da banda. “Mas agora decidimos ’pegar o boi pelo chifre’ e começamos a nos reunir com frequência para gravarmos um novo álbum, se possível ainda nesse ano”, revela

Sobre a musicalidade deste novo trabalho, Savassi é enfático: “O nosso compromisso é com a Verdade da banda. Buscamos ao máximo fazer um som que nos agrade e que achamos que está bem feito, com uma boa proposta artística. Agora, o que vai sair a partir disso, não dá para prever. Posso dizer que o som do Cálix é a soma da sonoridade e criatividade dos cinco integrantes. Se um de nós deixasse a banda, viraria outro som”.

Para o Roça ‘n’ Roll, Renato Savassi diz que o público pode esperar um show com sutilezas proporcionadas por melodias de flauta, violão e piano e momentos impactantes de peso musical. “Uma das principais características da banda é a sinergia dos integrantes, que é evidente na sonoridade da banda. E quando isso se soma a um público caloroso, a combustão é inevitável!”, completa.

No festival, o Cálix divide o palco com bandas de Metal (Heavy, Prog, Black, Folk, Death e Gothic), Hard Rock, Rock ‘n’ Roll e Hardcore. Para Savassi essa diversidade de estilos é uma oportunidade para apresentar a banda para públicos diferentes. “Isso é muito legal, pois vamos nos deparar com um público que, provavelmente, não encontraríamos em um show exclusivo do Cálix”.

A 17ª expedição do Roça ‘n’ Roll será realizada no dia 6 de junho, durante o feriado prolongado de Corpus Christi, na Fazenda Estrela, zona rural de Varginha/MG. Já estão confirmadas as bandas internacionais Pain of Salvation (Suécia), Vader (Polônia) e as brasileiras Dark Avenger (Brasília), Worst (São Paulo), Tuatha de Danann (Varginha), Facção Caipira (Niterói/RJ), Hagbard (Juiz de Fora/MG), Mattilha (São Paulo/SP), Mork (Brasilia/DF), Noturna (Belo Horizonte/MG), Rural Willys (Monsenhor Paulo/MG) e Rastros de Ódio (Belo Horizonte/BH).

O Roça ‘n’ Roll tem o patrocínio da Fruty Refrigerantes, Speedy Life Energéticos e Autotrans, o apoio da Roadie Crew, Programa Combate, Via Cabo, Wranger, Consulado do Rock, Lady Sake e Braia Studio e o incentivo da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Governo de Minas Gerais e da Lei Municipal de Incentivo à Cultura da Prefeitura Municipal de Varginha, da Fundação Cultural do Município de Varginha e do COMIC – Conselho Municipal de Incentivo à Cultura. As informações da 17ª expedição do Roça ‘n’ Roll podem ser acompanhadas pelos canais oficiais do festival nas redes sociais e no site oficial: www.rocainroll.com.

Fonte: Arte Press

COGUMELO RECORDS – 30 ANOS

O METAL RESGATANDO A NOSSA HISTÓRIA

EVOLUÇÃO NO HEAVY METAL

Back to Top