Dance of Days faz show na capital paulista em março com Hateen, Polara e Teco Martins

Clinger Carlos

Foto: Divulgação Após a volta triunfal aos palcos, em julho de 2022, a Dance of Days retorna a São Paulo para o primeiro show após o impacto do lançamento do videoclipe de divulgação do novo álbum, A Nova História, que incendiou sua base de fãs por todo país no final do ano. A apresentação será dia 30 de março no Citylights Music Hall, em São Paulo. O evento também terá shows do Hateen, Polara e Teco Martins (vocalista do Rancore).   Ingressos já à venda: https://www.ingresse.com/dance-of-days-hateen-polara. O videoclipe, dirigido por Luringa, que assina trabalhos com Fresno, Glória, Kamau e uma gama enorme de artistas incríveis, foi o primeiro trabalho divulgado pela banda apresentando Nenê Altro como mulher trans ao mundo.   Assista aqui: “Esse é um momento muito especial na história da banda. O videoclipe é um marco pessoal em minha jornada, mostrando definitivamente ao mundo que sou mulher, existo e estou muito feliz. E, para mim, esse nosso primeiro show em São Paulo marcará também o início oficial de um capítulo à altura da história do Dance of Days, ainda mais com tanta gente que eu amo tocando junto!”, diz a vocalista Nenê Altro.   Dia 30/3 no Citylights Além da Dance of Days compõem o line up de peso do show as bandas Hateen, Polara e Teco Martins, vocalista do Rancore, abrindo a noite com seu projeto eletrônico L3AF vs π Teco Martins e discotecando nos intervalos.   “O Teco foi a primeira pessoa que me procurou e apoiou, logo que minha transição veio a público. O Koala nem se fala, fez questão de participar no novo álbum cantando ao meu lado. E o Carlinhos tem uma história linda de amizade comigo desde o Personal Choice, então essa noite não poderia ser mais especial para mim”, completa Nenê.   Quatro nomes de peso do hardcore paulista, uma noite e uma oportunidade única de presenciar esse momento histórico. A produção é da Sobcontrole, que já está com a agenda aberta para a nova turnê do Dance of Days. Go Dance Go! SERVIÇO Dance of Days no Citylights Music Hall […]

Lightning Bolt pela 1ª vez em São Paulo neste domingo (25)

Clinger Carlos

O show do duo norte-americano Lightning Bolt em São Paulo acontece neste domingo (25/02), no Fabrique Club. Duas bandas fazem a abertura como convidadas especiais: Test e Deaf Kids. A realização é da Maraty, com produção da Powerline Music & Books.   O Lightning Bolt, super indicado para fãs de Flaming Lips, é um duo formado há quase 30 anos pelo baterista Brian Chippendale e o baixista Brian Gibson. O LB lançou sete LPs e é considerado um dos maiores nomes da praia noise-hardcore-experimental no mundo, fundindo o peso e agressividade do punk à liberdade sonora do free jazz e de compositores como Philip Glass e Sun Ra.   Seus shows são explosões de energia pura, com o público participando ativamente e entrando em transe com a música transcendente da dupla.Nu ma votação de críticos do site Metacritic, o Lightning Bolt ficou em oitavo lugar na lista de Artistas da Década entre 2000 e 2009.   Sua mistura de metal livre, noise, punk e vocais distorcidos evoluiu após o disco de estreia, homônimo, em 1999, e com suas performances ao vivo cruas, eles são parte essencial da história do noise rock.   “Lightning Bolt faz um dos mais impressionantes shows de todos os tempos” – The Guardian Essa noite histórica para o som pesado no Brasil será abrilhantada pela presença dos brasileiros do Test, um duo de grindcore formado pelo guitarrista/cantor João Kombi e o baterista Barata.   O Test é um dos grupos mais atuantes do underground brasileiro e começou a carreira tocando a bordo de uma kombi na entrada de grandes shows de metal e punk, o que tornou a banda conhecida. Com uma agenda de shows intensa, o Test já realizou várias turnês internacionais e tocou em festivais importantes como o Obscene Extreme, na República Tcheca.   Outra formação nacional do evento é o Deaf Kids. De Volta Redonda, mas com fama internacional e o grande nome de crust/d-beat do Brasil, a banda está na ativa desde 2010 e com Eps, splits e álbuns que já rodaram o mundo, sempre com excelentes críticas pela originalidade e experimentalismos, […]

Summer Breeze Brasil 2024 – Rugidos Femininos: uma nova era no Heavy Metal

Clinger Carlos

A importância da representatividade feminina no festival Summer Breeze Open Air Brasil O heavy metal, há muito tempo visto como um bastião da masculinidade, tem testemunhado uma revolução silenciosa e estrondosa. À medida que os riffs poderosos e a percussão intensa ecoam, uma nova narrativa está sendo tecida nos palcos do mundo, uma narrativa onde as mulheres são não apenas participantes, mas líderes inovadoras. O festival Summer Breeze Open Air Brasil, previsto para agitar o Memorial da América Latina em São Paulo, entre os dias 26 e 28 de abril, vem sendo uma vitrine espetacular dessa transformação.   A edição anterior do evento contou com a presença de grupos pioneiros como VIXEN e CRYPTA, além de uma palestra com Simone Simons, da banda EPICA. Este ano, o festival destaca bandas influentes como EPICA, WITHIN TEMPTATION, BATTLE BEAST e LACUNA COIL, cujas vocalistas femininas têm transformado o cenário do metal com potência e emoção.   Simone Simons, do EPICA, se tornou notável pela fusão da música clássica com o metal, enquanto Sharon den Adel, do WITHIN TEMPTATION, encanta com metal sinfônico. Noora Louhimo lidera o BATTLE BEAST com energia reminiscente dos anos 80, e Cristina Scabbia dá ao LACUNA COIL uma identidade única com seu metal gótico.   O poder feminino brasileiro também brilha com as bandas TORTURE SQUAD e NERVOSA. Mayara “Undead” Puertas do TORTURE SQUAD e a formação totalmente feminina do NERVOSA provam que o Brasil é uma voz forte no metal mundial.   Promovendo “Jailbreak”, sucessor do aclamado “Perpetual Chaos” (2021), a banda NERVOSA marca a estreia da guitarrista fundadora Prika Amaral como vocalista permanente e apresenta Helena Kotina como segunda guitarrista, além de ter Hel Pyre no baixo e Gabriela Abud na bateria. Mantendo o estilo calcado no thrash e death metal, o novo álbum destacou os singles “Endless Ambition”, “Seed of Death” e “Jailbreak”.   Enriquecendo ainda mais o line up, artistas como Emilia Moncayo da banda uruguaya MINIPONY, a baixista Becky Baldwin do headliner dinamarquês MERCYFUL FATE e as backing vocals da banda sueca THE NIGHT FLIGHT ORCHESTRA, Åsa Lundman e Anna Brygård, mostram a versatilidade […]

There’s no Face reflete sobre conflitos globais em Hamurabi e prepara álbum

Clinger Carlos

Crédito: Bruno Galan A banda de metalcore There’s no Face entra em nova fase com o lançamento do single e videoclipe da pesada ‘Hamurabi’, a primeira amostra do álbum Contra/Senso, previsto para os próximos meses de 2024.   O single Hamurabi, com letra em português, traz a visão da banda sobre conflitos ao redor do globo, denunciando guerras aniquiladoras e escancarando o sentimento coletivo, de parte da sociedade civil e organizada, de que tudo custa muito – entre dinheiro e vidas – para mudar.   Ouça Hamurabi aqui: https://onerpm.link/295740250717.   Assista ao clipe: Por outro lado, como um terrível contraponto, parte da civilização vive em tempos atuais com a cabeça de um velho rei autoritário da Babilônia – o analogia que dá nome à música agora lançada pelo There’s no Face.   Neste contexto, Hamurabi, uma canção com riffs agressivos e empolgantes breakdown, fala também sobre a banalização da violência.     “Vivemos em meio a um falso moralismo, onde o tal lobo se esconde em pele de cordeiro o tempo todo e direciona seu ódio, tratando o sofrimento alheio com desprezo e propagando um ideal que repugnamos completamente”, comenta a banda.   Por curiosidade, Hamurabi foi o sexto rei da Suméria e criador de um estranho “Código de Leis” que dizia um punhado de coisas, dentre elas, o famoso “Olho por olhos, dente por dente”. Importante: apesar do som levar esse nome, a mensagem é justamente o contrário. There’s no Face é indicado para fãs de I prevail, Bring me the Horizon, A Day to Remember, Odeon, John Wayne e Sepultura.   There’s no Face, a banda There’s no Face surgiu em meados de 2009. Em 2012, após mudanças de integrantes, gravou o primeiro EP, ‘Escolhas’, de forma profissional com Adair Daufembach, com quatro musicas.   O single ‘Integridade’ veio na sequência, em 2013, aproveitando a crescente em que a banda se encontrava, com participações e festivais.   Em 2016, a banda fez uma pausa de dois anos para colocar a casa em ordem e retornou em 2018 com outra formação, algumas datas, novas composições e, em 2019, tudo […]

Neptune: versão acústica de single “Fallen Nations” chega as plataformas de streaming

Clinger Carlos

Foto por:  Anders Olsson Neptune é banda sueca de Metal Tradicional cujas origens remontam à década de 1980 e que conta com a influência da sonoridade de nomes tais como 220 Volt, Heavy Load, Europe, Accept, Judas Priest e Deep Purple. Com dois álbuns completos e dois Eps já lançados, o grupo agora está totalmente envolvido no processo de gravação de seu próximo álbum intitulado “End of Time”, mas que antes disso acontecer, decidiu lançar nas plataformas digitais a versão acústica da música “Fallent Nations”.   Presente originalmente no box set triplo em k7 “Legends From The North: 40 Years Of Swedish Metal (1980-2020)” como bônus do álbum “Northern Steel”, a música “Fallen Nations” foi composta nos estágios iniciais da pandemia do COVID-19 em 2020 e, nas palavras do vocalista Row Alex: “Apesar de a pandemia ter passado, ainda vivemos num tempo muito incerto, quer se trate de invasões de países, de pessoas que devem fugir das suas terras natais, de campanhas de influência política de potências estrangeiras, ou de grandes desastres naturais”. “Não importa como nos viramos e nos adaptamos, sempre há algo sombrio, perturbador e assustador à espreita do outro lado. Mas acreditamos e esperamos que quem ou o que quer que tenha sido afetado possa e irá se recuperar, ascender e emergir mais forte do outro lado. É sobre isso que ‘Fallen Nations’ trata”, conclui o músico.   Sobre o já citado e vindouro álbum “End Of Time”, o mesmo será um novo capitulo na parceria entre a Neptune e o selo Melodic Passion Records e tem previsão de lançamento para meados deste ano de 2024, nos formaros CD, LP e digital.     Confira o video clipe de “Fallen Nations (Acoustic)”:  Ouça “Fallen Nations (Acoustic)” no streaming Neptune é: Row Alex – Vocal Anders Olsson – Guitarra Tosh Ason – Baixo/Backing vocal Johan Rosth – Teclados Jonas Wikström – Bateria   Contato: Facebook: https://www.facebook.com/NeptuneBandOfficial Instagram: @neptune_band_official Site: https://www.neptune.nu   Fonte: Lex Metalis

Fud’s Gang lança música com participação do Clemente (Inocentes/Plebe Rude)

Clinger Carlos

Era maio de 2020, quando George Floyd foi cruelmente assassinado por um policial branco, pelo motivo mais torpe possível: o ódio racial!   Em “Posso Respirar?” o compositor, guitarrista e vocalista da banda Fud’s Gang, Celso Leony, tentou sintetizar todo o sofrimento de George Floyd, que naquele momento terrível suplicava pela necessidade de respirar, o direito mais básico de todo ser humano. Música de proposta forte, pulsante e com guitarras poderosas, é um alerta e uma pedrada contra o racismo.   Conta com a participação especial da icônica e gentil figura do rock brasileiro, Clemente Tadeu (Inocentes/Plebe Rude), que entrega à canção garbo e uma intensa visceralidade e, em outro momento alto é a citação de “Alma Não Tem Cor” de André Abujamra(Karnak).   Gravado no Estúdio do produtor Thiago Rafael, pelo próprio, por Celso Leony e Vinícius Moreno, no segundo semestre de 2023. “Posso Respirar?” transita entre o punk e o pop, sem frescuras, sem rodeios, apenas guitarra, baixo e bateria, que assim como a canção, vai direto ao assunto. Confira https://onerpm.link/589321836111   Fud’s Gang A Fud’s Gang começou despretensiosamente em 2017 quando seu vocalista Celso Leony estava revisitando e fazendo novas composições e percebeu que elas tinham alguma conexão. Com isto, o processo natural era a gravação e a Gang começou a ser formada.   A banda então, terminou a gravação no Estúdio Jardim Elétrico (Jundiaí) com a mixagem e a masterização foi feita no Estúdio Doppler do Thiagueira. O EP “Proud to be Fud’s” foi lançando e a partir daí a banda saiu em turnê em qualquer lugar onde haja cerveja. Em 2021 a banda lançou “Lindo Saboroso Doce”, que é a 1a música do novo EP que está pintando por aí. E em 2022 lançou Vivo Outra Vez.   Em 2023 a banda fez parceria com a SE Records e lançou os singles Cair em Pé e Telefone.   Redes Sociais: https://www.facebook.com/fudsgang https://instagram.com/fudsgang   Fonte: SE Assessoria

Nuclear Warfare realiza turnê de 12 datas pelo Brasil

Clinger Carlos

Foto:Divulgação Banda alemã tocará nos Estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina em fevereiro e março A banda alemã de thrash metal Nuclear Warfare, que conta com Fritz (vocal e baixo), Listl (guitarra) e o baterista brasileiro Alexandre “Xandão” Brito (Andralls), fará uma tour de 12 datas pelo Brasil, com início no próximo domingo (25) em Indaiatuba (SP). “Está será a quarta tour da banda pelo Brasil, mas será a primeira na região Sul. Serão 12 datas que irão passar pelos Estados de São Paulo, Paraná e finalizando no festival ‘Otacílio Rock Fest’, em Santa Catarina”, revelou Xandão Brito, que está há dez anos com a banda.   Fundado em 2002 na cidade de Ludwigsburg, o Nuclear Warfare pratica um thrash inspirado por ícones do metal dos anos 80, como os pioneiros Kreator, Sodom, Destruction, Slayer e Sepultura. Ao desenvolver sua própria abordagem com guitarras rápidas, baixo estrondoso e uma bateria martelante, a banda oferece um thrash metal tradicional e uma atitude que remete ao punk rock. Os registros incluem a demo “First Strike” (2002), seguida pelo debut “War is Unleashed” (2004) e os álbuns “We Come in Peace” (2006), “God of Aggression” (2010), “Just Fucking Thrash” (2014), “Empowered by Hate” (2017) e “Lobotomie” (2020).   Com uma presença marcante tanto no Brasil quanto na Europa, a banda se apresenta em prestigiados festivais como o Bavarian Metal Heads, SWR Barroselas Metal Fest em Portugal e o Mise Open Air na Alemanha, entre outros. Após mais de 20 anos e mais de 400 concertos, Nuclear Warfare continua a imprimir sua marca no thrash old school e está de volta à estrada. Confira as datas da tour:  25/02 – Jack’s Rock Bar – Indaiatuba/SP 27/02 – Hocus Pocus – São José dos Campos/SP 28/02 – The Metal Bar – São Paulo/SP 29/02 – Black Balloon – Botucatu/SP 01/03 – Jack Music Pub – Bauru/SP 02/03 – Kofi Café & Lounge – Londrina/PR 03/03 – Tribos Bar – Maringá/PR 05/03 – Casa Urbana – Foz do Iguaçu/PR 07/03 – Guilhotina – Castro/PR 08/03 – CBGBar – Ponta Grossa/PR 09/03 – Camaleão Cultural – […]

Stormwarning, banda de melodic rock da Frontiers, lança “Sweet True Lies” com nova mix

Clinger Carlos

 Foto: Gabriel Castro Grupo conta com os brasileiros Marcelo Gelbcke e Felipe Souzza (Landfall) além do vocalista argentino Santiago Ramonda. Disco foi produzido  por Marcelo e Sérgio Mazul (Semblant) Depois de acumular mais de 120 mil reproduções no Spotify do álbum de estreia autointitulado, a banda de melodic rock Stormwarning, assinada com a gravadora italiana Frontiers, lançou o lyric video com a versão alternative mix de “Sweet True Lies”.   O Stormwarning traz no line-up os brasileiros Marcelo Gelbcke e Felipe Souzza (ambos da Landfall) e o vocalista argentino Santiago Ramonda. A produção ficou por conta do próprio Marcelo e também de Sérgio Mazul (Semblant).   O guitarrista Marcelo Gelbcke comentou sobre o resultado da mixagem alternativa: “O resultado ficou bem legal! A produção anterior já era muito boa e essa nova versão trouxe novos elementos que também funcionaram muito bem. Estou muito satisfeito com essa nova mix e já pensando no próximo álbum”, disse.   Confira o resultado abaixo: Sobre o Stormwarning A banda Stormwarning lançou seu primeiro álbum, autointitulado, em 2023 e passou a receber muitos elogios pelo som que lembra os anos 1980, mas também traz elementos únicos, com destaque para a voz do vocalista argentino Santiago Ramonda.   Sobre o processo de composição e gravação de “Stormwarning”, o guitarrista Marcelo Gelbcke comentou: “Tudo foi tranquilo e divertido. Santiago não é apenas um cantor incrível, mas também um músico brilhante, tornando meu trabalho como produtor super fácil. Já o Felipe é meu irmão e co-produtor por muitos anos e fez um trabalho incrível gravando bateria. Eu me diverti muito gravando baixo, guitarra e teclado. E as composições falam por si: há algo verdadeiramente mágico na química de escrever canções com nosso produtor Sergio: não só quem escreve ótimas letras como também ótimas melodias. Eu realmente acredito que nossa parceria com a gravadora irá florescer por muitos anos e eu não poderia estar mais feliz com este álbum“, concluiu.   Ouça Stormwarning: Acompanhe Stormwarning: https://www.instagram.com/stormwarningmusic/   Fonte: The Bridge Press

Suffocation of Soul lança “Abouth Chaos, Injustice and Evil”, seu novo single

Clinger Carlos

A banda de Thrash Metal Suffocation of Soul lançou neste mês de fevereiro nas plataformas de streaming seu novo single “Abouth Chaos, Injustice and Evil”.   FICHA TÉCNICA: Capa – @nestor.carrera Gravação de batera – @estudiodrakkar_ Cordas e vozes – Hellhome Studio Produzido por Suffocation of Soul “Abouth Chaos, Injustice and Evil” fará parte do novo álbum que a banda está preparando. Mais informações sobre esse novo material será divulgado em breve.   Acompanhe a banda: Instagram: @s.of.s  https://www.facebook.com/SuffocationOfSoul

CRAZY CARPES lança vídeo clipe da rápida e rasteira “I Don’t Wanna Be Dead”

Clinger Carlos

Créditos da foto: Divulgação O power trio gaúcho CRAZY CARPES lançou um vídeo clipe para a faixa “I Don’t Wanna Be Dead”, presente em seu mais recente trabalho, o EP “Back on Track”, composto de cinco faixas inéditas que mostram a diversidade musical do grupo. A música, que segue uma pegada mais voltada do Punk Rock, busca transmitir características como independência e vitalidade em menos de um minuto de duração. Marcelo Carpes (guitarra/vocal), Maurício Carpes (bateria) e Alex Osterkamp (baixo/vocal) mostram mais uma vez que não seguem padrões musicais, como explicou o baterista Maurício: “Nossa intenção é criar músicas que nos agradem e sigam a vibração que estamos no momento. A “I Don’t Wanna Be Dead” surgiu de forma espontânea em um dos nossos muitos ensaios, e contrasta imediatamente com faixas mais longas que compomos, como a épica “Desert’s Soldier Saga”. Desta forma, temos a opção de variar e ter um grande leque de composições dos mais diversos estilos dentro do som pesado”. O baixista Alex completa: “O clipe exibe a banda em ação no seu próprio estúdio, buscando transmitir a atmosfera caótica do local. Filmado em câmera lenta e posteriormente acelerado para intensificar a sensação de caos, este é, sem dúvida, o clipe mais veloz que você viu recentemente!”.   O ano de 2023 foi intenso para o CRAZY CARPES. No primeiro semestre lançaram o álbum “Stranger Thoughts”, e em dezembro, o EP “Back on Track”. De acordo com o guitarrista e vocalista Marcelo Carpes, e corroborada pelos colegas de banda, essa produtividade tem a ver com três fatores: “Um deles é o fato de que temos um estúdio próprio, onde podemos ensaiar quando quisermos, e ali vamos gravando as ideias e as produzindo por conta própria. Outro fator é o próprio formato de power trio, o que nos dá possibilidade de nos desafiarmos. Por fim, nosso background musical, que é variado e sem amarras. Estes três fatores tornam a banda o que ela é”.   O EP “Back on Track” tem início com a faixa do vídeo clipe, “I Don’t Wanna Be Dead”, curta e grossa e mostrando […]

Desalmado marca nova trajetória da banda com ‘Alone’, primeiro clipe do EP ‘Inquisition’

Clinger Carlos

Da esquerda – Marcelo Liam, Bruno Teixeira, Caio Augusttus, Estevam Romera e João Limeira (Crédito: Marina Melchers) A renomada banda de metal Desalmado está pronta para marcar o início de uma nova fase em sua carreira com o lançamento do primeiro clipe de seu novo EP de inéditas ‘Inquisition’. Intitulado ‘Alone’, o clipe foi lançado oficialmente no dia 16 de fevereiro de 2024 (sexta-feira) pelo Canal Scena.   Este marco musical não só apresenta aos fãs o mais recente trabalho da banda, como oficializa uma mudança significativa com a saída do baterista Ricardo Nutzmann e entrada de João Limeira que além de ser o novo comandante das baquetas estreia entregando ‘Alone’ como sua composição proporcionando uma nova dimensão à sonoridade do Desalmado.     ➤ Assista Alone aqui ou ative a notificação de estreia: ‘Alone’ marca também a estreia de Marcelo Liam como guitarrista adicional transformado o Desalmado agora em quinteto. O músico também participa das composições em conjunto com a banda, com uma abordagem mais densa e contemporânea, explorando o peso e a cadência que se tornaram sinônimos da banda desde o aclamado álbum mais recente ‘Mass Mental Devolution’.   Liricamente, ‘Alone’ mergulha nas profundezas do sofrimento individual, retratando a jornada de um personagem que enfrenta uma vida aprisionada por amarras emocionais. A música expressa a resignação e o isolamento como formas de lidar com angústias persistentes, oferecendo uma narrativa poderosa e envolvente.   Caio Augustus, vocalista e compositor principal da banda, compartilhou sua perspectiva sobre a música, descrevendo-a como “um momento de transformação musical e emocional”. Ele acrescentou: “É uma reação a um longo período de angústias e sofrimentos, materializada em uma música densa, atual e pesada.” O clipe de ‘Alone’ promete ser uma experiência visual impactante, complementando perfeitamente a intensidade da música e a mensagem emocionalmente carregada por trás dela.   Mais sobre os novos integrantes: Marcelo Liam  —  Guitarrista 7 cordas, toca também na banda de mathcore Inherence. É formado em música, compositor e atualmente finaliza seu mestrado na área tendo o metal como tema de pesquisa.   João Limeira  —   Também advindo da banda Inherence, seu DNA tem como […]

KORPIKLAANI lança novo single/videoclipe ‘Aita’

Clinger Carlos

Foto de Peero Lakanen / editada por Jan Yrlund Os superastros do folk metal finlandês, o KORPIKLAANI , estão felizes em lançar ‘Aita’ , o segundo single de seu próximo novo álbum de estúdio, Rankarumpu , que está previsto para ser lançado no dia 5 de abril de 2024 .   ‘Aita’ mantém a abordagem de ritmo acelerado do single anterior, ‘Saunaan’ . O ritmo vertiginoso, um refrão cativante e um duelo magistral de violino/acordeão tornam ‘Aita’ uma melodia absolutamente irresistível que possui todas as características pelas quais os finlandeses são universalmente conhecidos e amados. Folk metal em sua melhor forma!   O compositor Olli Vänskä comentou: “‘Aita’ foi realmente composto como uma faixa instrumental, ou pelo menos essa era a intenção. Enviei uma versão demo para o Jonne e, quando queria sobre isso uma semana depois, ele me disse ‘de jeito nenhum!’ e me deu as letras que ele escreveu. As letras eram realmente boas também! Estou muito satisfeito com o riff de violino e como o interlúdio folk que ficou muito bom também. Muitas coisas interessantes acontecem ali!”   O vocalista Jonne Järvelä acrescentou: “Recebi uma música demo muito legal do Olli, para a qual fiz riffs com uma guitarra. Então, um tema começou a se formar na minha cabeça que transformei em uma canção para a qual foi fácil escrever um texto. Nas letras, o protagonista encontra um velho conhecido da vila que esteve na estrada como viajante por muito tempo e retorna à sua vila natal. O homem faz ao amigo todo tipo de perguntas sobre o que viu ao redor do mundo, mas o viajante só responde vagamente, mas lições sábias .”   OUÇA ‘AITA’: https://korpiklaani.bfan.link/aita   PRÉ-SALVE/PRÉ-VENDA DO NOVO ÁLBUM RANKARUMPU: https://korpiklaani.bfan.link/rankarumpu   ASSISTA AO NOVO VIDEOCLIPE ‘AITA’: KORP IKLAANI – Rankarumpu 1. Kotomaa 2. Tapa sen kun kerkeet 3. Aita 4. Sauna 5. Mettään 6. Kalmisto 7. Rankarumpu 8. Sem perkele 9. Viikatelintu 10. Nó 11. Oraakkelit 12. Harhainen alto   O KORPIKLAANI tem planos para uma turnê extensa em 2024, que chegará pelo Reino Unido com Alestorm e Heidevolk em fevereiro e […]

Invokaos: nova formação estreia com single em ‘session’ no Rising Power

Clinger Carlos

Foto Crédito: João Degan | @joao.degan Invokaos participa da Rising Power Sessions, iniciativa que visa apoiar as bandas da cena musical do ABC Ao longo dos anos, o estúdio Rising Power, localizado em Santo André (SP), se tornou um centro para bandas autorais, refletindo a diversidade da cena do ABC paulista. Para celebrar uma década de existência, o estúdio criou a Rising Power Sessions que, segundo André Alves, proprietário do Rising Power e integrante do Statues on Fire, visa apoiar as bandas e fornecer material de qualidade para que elas promovam seus trabalhos. Um dos escolhidos para participar com a gravação de áudio e vídeo de uma música foi o Invokaos, formado atualmente por Bruno Bacchiega (vocal), Alexandre Jansen (guitarra), Sergio Roma (baixo) e Rodrigo Biffi (bateria).   “Abraçamos a iniciativa do Rising Power Estúdios e decidimos apresentar e fazer a gravação ao vivo de uma música inédita, ‘Em Chamas’, que depois iremos gravar em estúdio. A ideia também foi apresentar a nova formação tocando junta. O baixista Sergio Roma tocou com Bruno na banda de black metal Morthor e o baterista Rodrigo Biffi já integrou o Harppia e o Ancestor”, comentou Alexandre Jansen.   Confira o vídeo da música “Em Chamas” : A letra de autoria do vocalista Bruno Bacchiega aborda a conscientização ambiental, falando sobre a exploração e o desmatamento ilegal com as queimadas na Amazônia, além das forças sobrenaturais que protegem a natureza na figura do caipora, do folclore brasileiro. Há uma ênfase na escuridão que envolve o mundo e na ideia de que há um pedido de ajuda da Terra, representada metaforicamente como coberta por um manto, enquanto as pessoas se recusam a ver a situação. A letra também faz referência à devastação cultural e territorial dos povos indígenas.   Sites relacionados: http://www.risingpowerestudios.com/ https://www.facebook.com/invokaos/ https://www.instagram.com/invokaos/ https://www.youtube.com/c/invokaos   Fonte: ASE Music Press